Autor: Gabriel Caio Corrêa Borges

Bolívia: pesquisa de boca-de-urna dá vitória a Luis Arce

De acordo com pesquisa de boca de urna feita durante as eleições presidenciais da Bolívia, realizadas neste domingo, 18 de outubro, o candidato do Movimento pelo Socialismo (MAS), Luis Arce, deve ganhar no primeiro turno. A apuração foi realizada pelo instituto de pesquisa Ciesmori, encomendada pela rede de televisão boliviana Unitel.

Venezuela: documento da ONU acusa Maduro de violações aos direitos humanos

Um relatório investigativo publicado pela Organização das Nações Unidas na quarta-feira, 16 de setembro, acusa o governo da Venezuela de violações contra os direitos humanos. O documento aponta para o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, como responsável direto por ações que incluem assassinatos extrajudiciais e tortura contra opositores de seu governo.

Paraguai: Ex-Vice-Presidente sequestrado por grupo guerrilheiro

O ex-vice-presidente do Paraguai, Óscar Denis Sanchez, foi considerado como sequestrado, informou sua família nesta quinta-feira, 10 de setembro. O político, que ocupou a vice-presidência do país durante o governo de Federico Franco, entre 2012 a 2013, teria sido capturado em sua propriedade, denominada “Tranquerita”. As suspeitas do sequestro recaem sobre o grupo guerrilheiro Exército do Povo Paraguaio (EPP).

Mali: presidente e primeiro-ministro capturados por motim militar

Um motim militar desencadeado nesta terça-feira, 18 de agosto, na República de Mali, tomou como reféns o presidente do país, Ibrahim Boubacar Keïta, e o primeiro-ministro, Boubou Cissé. De acordo com as lideranças militares, os governantes foram detidos em suas próprias residências e estariam sendo encaminhados para o campo militar de Kati, conforme noticiado pela agência AFP.

Leste do Mediterrâneo: Turquia anuncia exploração do território e aumenta tensões com a Grécia

O Ministério das Relações Exteriores da Turquia anunciou nesta terça-feira, 11 de agosto, que o país vai passar a explorar o gás ao leste do Mar Mediterrâneo, assim como pretende autorizar licenças de perfuração no território. O anúncio aprofunda as tensões com a Grécia, que disputa o território com a Turquia. A Grécia, que já tinha solicitado na última sexta-feira a intervenção da corte da ONU para resolver a tensão, teria reagido negativamente à declaração turca, convocando reunião de emergência do seu gabinete de segurança.

Venezuela: projeto de nova constituição é dado como concluído

Em entrevista ao programa radiofônico El Tiempo, realizada nesta quarta-feira, 29 de julho, o deputado constituinte Hermann Escarrá anunciou a conclusão do projeto de nova constituição da Venezuela. Definida a elaboração dessa proposta de mudança constitucional, Escarrá adiantou que o próximo passo é a realização de discussões parlamentares no interior da assembleia constituinte que irão determinar sua aprovação.

Costa do Marfim: Ouattara é pressionado para disputar um novo mandato

O partido governista da Costa do Marfim, o Aliança dos Republicanos (RDR), comunicou nesta segunda-feira, 20 de julho, que está tentando convencer o presidente do país, Alassane Ouattara, a disputar um terceiro mandato para as próximas eleições presidenciais. A iniciativa é importante para o partido por conta da morte do nome escolhido para a sucessão, Amadou Gon Coulibaly, no início deste mês.

República Dominicana: junta eleitoral confirma Luis Abinader como presidente eleito

A chapa presidencial composta por Luis Abinader para presidente e Raquel Peña para vice-presidente, ambos políticos do Partido Revolucionário Moderno (PRM), foi reconhecida pela Junta Central Eleitoral (JCE) como vencedora da eleição presidencial ocorrida neste ano na República Dominicana. Com Abinader-Peña tendo recebido 52,52% dos votos, a JCE oficializou no dia 14 de julho o resultado do pleito, ocorrido no dia 5 de julho.

Bolívia: MAS rejeita presença da OEA nas eleições presidenciais

O Movimento pelo Socialismo (MAS), partido do ex-presidente boliviano Evo Morales e atual líder nas pesquisas para sucessão presidencial na Bolívia, rechaçou em comício realizado nesta sexta-feira, 10 de julho, a presença da Organização dos Estados Americanos (OEA) como observadora nas eleições presidenciais.